Site name

Presbíteros e Diáconos - Padrão Bíblico

A Igreja Vida Nova está se preparando para eleger presbíteros e diáconos. Os escolhidos por Deus, através do povo reunido em assembleia para este fim, precisam ser exatamente conforme está estabelecido nas Escrituras. Esta escolha precisa ser feita com oração e sob a dependência do Espírito Santo. A Palavra de Deus estabelece critérios claros acerca do perfil daqueles que exercem ministérios de serviço na igreja. O apóstolo Paulo escrevendo a Timóteo (1Tm 3.1-13) oferece algumas orientações oportunas sobre o perfil destes servos de Deus. À luz deste texto, vamos observar algumas verdades importantes:

PRECISAM TER EXCELENTE RELACIONAMENTO COM DEUS

Somente aqueles que andam com Deus como Enoque e Noé podem fazer uma grande obra, no poder do Espírito Santo, para abençoar as ovelhas do aprisco do Senhor. O relacionamento com Deus é a credencial mais importante e fundamental para servir à igreja de Cristo. Somente Jesus disse: “...minha igreja”. Os servos estão sempre à disposição, com amor para servir de todo coração à noiva de Cristo. Somos chamados para manifestar a bondade de Deus a todos quantos necessitam de algo específico. É preciso ser exemplo de gente que anda com Deus, antes de tudo, no meio de tudo, frutificando em tudo. A igreja é um espelho daqueles que a servem com singeleza de coração. Andar com Deus é uma experiência tão tremenda, que vai jorrando com toda força na vida dos que se encontram próximos ou longe. Andar com Deus e viver para ele é tão necessário que ninguém tem como servir aos outros, sem antes estar com o seu acesso livre ao trono da graça. Viver aos pés do Senhor, como Maria, arranca elogios do Senhor: “Ela escolheu a melhor parte e esta não lhe será tirada”. IVN vai se reunir e cumprir a vontade do Senhor. Observemos ao nosso redor a vida daqueles que realmente andam com Deus para que nos levem a continuarmos nesta estrada da fé vitoriosa.

PRECISAM SER EXEMPLO A PARTIR DO LAR

Quem serve na família, será bom serviçal na igreja e em todo lugar. Nosso primeiro campo de serviço é dentro de casa. É preciso servir uns aos outros a partir da célula mater. É preciso servir com amor, alegria, perdão, boa administração, boas palavras e com o coração banhado pelo óleo do Espírito. É preciso escolher quem já faz, e nunca para testar se vai fazer. Quem é uma bênção dentro de casa, será uma bênção na igreja e em todo lugar. Quem não serve bem dentro de casa, como ministrará para as ovelhas do Senhor? O presbítero e o diácono precisam ser fiéis ao cônjuge e criar os filhos no temor do Senhor. Quem cuida bem dos de casa, está apto para continuar cuidando dos de fora.

PRECISAM TER DOMÍNIO DE SI, E NÃO SEREM DOMINADOS

Quem morreu para o mundo, sua natureza carnal está crucificada. Agora já não é ele quem vive, mas é Cristo quem vive nele. Por isso é que ele não se embriaga com o vinho e nem se embriaga com os prazeres do mundo, nem é dominado pelo dinheiro, nem pelo destempero emocional, mas pelo Espírito Santo que habita no seu coração. Aqueles que servem tem que ser modelo em seus negócios, sábios em suas atitudes, sadios em suas palavras, generosos em seus gestos, prudentes e sensatos em seu comportamento dentro e fora da igreja. Os oficiais precisam ter corações abertos para amar, mãos abertas para ajudar e casas abertas para hospedar. Os oficiais da igreja precisam desfrutar de bom testemunho dentro da família, dentro da igreja e dentro da sociedade onde vivem. Eles precisam ser irrepreensíveis na conduta, sãos na fé e terem bom testemunho dos de fora da igreja.

PRECISAM TER CONHECIMENTO DA PALAVRA

Os obreiros da igreja não podem ser neófitos e imaturos espiritualmente, mas instruídos na Palavra. Ele precisam passar pela universidade da Palavra e serem aprovados por Deus. Eles precisam viver o que ensinam e ensinar o que vivem. Precisam conhecer diariamente os mandamentos, ensinamentos e direcionamentos do Senhor. Assim, estarão habilitados a ensinarem todo desígnio de Deus. Este conhecimento não é simplesmente intelectual, mas semente viva que morre, nasce, cresce e frutifica. Os servos se nutrem da Palavra para alimentar outros com o mesmo alimento. Paulo nos dá um lindo exemplo. Mesmo no último momento da sua vida, pediu que os pergaminhos fossem levados para ele. Ou seja, sabia que pouco tempo lhe restava, mas queria aproveitar estes momentos para estudar e aprender mais. Os presbíteros e diáconos precisam se dedicar com afinco, interesse e paixão ao estudo da Palavra. Que Deus nos ajude nesta assembleia de eleição de servos do Senhor!

Pr. Ceny Tavares